O dilema da alface na etiqueta.





Esta verdura - que frequenta a mesa dos brasileiros de todas as classes sociais - pode nos dar uma certa dor de cabeça, quando falamos em etiqueta. Então vamos facilitar nossa vida e acabar com nossas dúvidas e receio de uma vez por todas. Como comer a danada da "alface"??

Lembre-se que "alface" é a forma mais genérica de dizer, já que é a verdura mais popular. A regra vale pra qualquer tipo de folha (chicória, espinafre, radicchio, etc). Então vamos lá!


Mini folhas de alface facilitam a vida do seu convidado!!


Você, convidado:

Assim como não cortamos o macarrão, também não devemos cortar as folhas.  
É, gente!! É meio chato e algumas vezes pode necessitar de certa perícia, mas é a regra formal da etiqueta. 
Você deve ir dobrando a folha da alface, com a ajuda do garfo e da faca, fazendo uma trouxinha, até que fique de um tamanho que caiba na boca. 
Com a prática, vai ficando mais fácil, por isto, não deixe de praticar em casa. Se todas as vezes que for comer salada em casa treinar a forma correta de fazer, vai ficar craque. Eu garanto!!  (a menos que você não goste de verduras... aí se comer uma vez na vida, outra na morte, vai ficar difícil aprender...rsrs Mas aproveite esta dica pra tentar mudar de hábitos; com a desculpa de aprender a dobrar a alface, vá comendo verduras)


Você, anfitrião:
Se você pode facilitar a vida do seu convidado, porque não fazê-lo?
Ao invés de colocar a folha inteira da alface, rasgue-a grosseiramente antes de servir.  Assim, o seu convidado terá muito menos dificuldade em dobrá-la. 
Outra forma de ser gentil é escolher folhas menores, como as alfaces mini ou baby, à venda em todos os mercados. 
Etiqueta é, antes de tudo, pensar no outro. 

Vamos treinar??


Comentários

Postagens mais visitadas

Instagram scrolling