Se tem uma coisa que criança sabe fazer é perguntar. As crianças, protagonistas nos contos deste livro, não são diferentes. Têm a cabecinha cheia de inquietudes:

“O que este tubarão está fazendo na minha piscina?” 

 “Como uma casa pode ser grande e pequena ao mesmo tempo?”

"Por que a senhora anda encurvadinha?"

“Como será minha vida com uma laranjeira  na cabeça?"

As histórias aqui trazidas não se preocupam em responder aos questionamentos, mas sim, em chamar atenção para sentimentos que são comuns na infância.  

Porque se tem uma coisa que criança sabe fazer é pergunta que não tem resposta. 

O que voce quer ser quando crescer.jpg
 
jogo_da_memória_carta_extra.jpg

Um flamingo que vive de regime.

Um gambá que é ator.

Uma ovelha que só pensa em dormir.

Um sagui que adora rock and roll.

Somos nós parecidos com os bichos

ou são os bichos parecidos com a gente?

(livro de poemas)

 
manteiga.png

Quando perdeu seu guarda-chuva azul de listras amarelas, Cadu não imaginava as lições que
estavam por vir.
O menino aprendeu que o olhar sensível para as
coisas da vida não tem idade e que a emoção

pode aflorar tanto nas situações tristes, como nos momentos de alegria.
Um livro delicado e delicioso, assim como a
manteiga derretendo no pão!

 
CAPA CORTADA.jpg

No mundo dos animais irracionais, o instinto de
sobrevivência cede espaço para o improvável: o AMOR!
Um sentimento contagiante que muda a maneira de agir
dos animais, os quais passam a ver que a diferença e a
diversidade que existem no planeta nada mais são que um
propósito da natureza para que todos se completem.
O improvável amor entre uma destemida mariposa e um
solitário porco-espinho deixou de ser tão “improvável” e
inspirou outros animais a acreditarem que tudo é possível.
Basta confiar!

capa para wix.png
InShot_20210831_183204692-removebg-preview.png

Exclusivo para assinantes 

InShot_20220420_131416811.jpg
InShot_20210831_183204692-removebg-preview.png

Exclusivo para assinantes